Acompanhe as notícias da 58º Assembleia Geral da CNBB aqui na nossa Revista Voz Amiga!

Revista Voz Amiga | Volume 31 | Nº 1 | Ano 2021

 

 

 

          Neste ano, a nossa Revista Voz Amiga fará uma cobertura especial da 58º Assembleia Geral da Conferência Nacional do Bispos do Brasil. Você é chamado a nos acompanhar neste caminho, tendo em nosso site uma fonte segura para saber sobre cada dia da assembleia. A nossa equipe estará empenhada em repassar a você diariamente de 12 a 16 de abril os principais acontecimentos e decisões.

          Segundo a assessoria de comunicação da CNBB, a 58ª Assembleia Geral Ordinária da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) será realizada em modalidade virtual, por meio da plataforma Zoom. Haverá sessões pela manhã (8h – 12h) e à tarde (14h – 17h).

          Segundo o estatuto da CNBB e a própria legislação canônica da Igreja, não existe a possibilidade de realização de votações de modo virtual em razão do formato on-line. Essa novidade não é permitida no regimento.

          Entretanto: “o Conselho Permanente da CNBB optou por realizar uma Assembleia sem votações que impliquem alterações ou consequências de natureza legislativa para a Conferência. Por outro lado, as votações de natureza pastoral poderão ocorrer, como acontece normalmente sobre as mensagens que a Conferência envia ao povo brasileiro.” Explica Dom Joel Portella Amado, Secretário Geral da CNBB.

          Em carta aos jornalistas, a assessora de comunicação da CNBB esclarece que “O tema central da Assembleia diz respeito ao Pilar da Palavra proposto pelas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE 2019-2023). Mesmo sem a possibilidade de votação de um documento, será debatido o tema “Casas da Palavra – Animação bíblica da vida e da pastoral nas comunidades eclesiais missionárias. “

          Também serão debatidos cerca de outros 30 assuntos, dentre eles: o Ano Vocacional previsto para 2023; os anos temáticos de São José e Família Amoris Laetitia, convocados pelo Papa Francisco; o Colégio Pio Brasileiro, as Comissões, organismos e Regionais; a criação do Regional Leste 3, as Edições CNBB, o Fundo Nacional de Solidariedade (FNS) e a pandemia do novo coronavírus.

          A jornalista Manuela Castro, assessora de comunicação da CNBB, ainda explica que os bispos também aprovarão, como de costume, mensagens ao Papa Francisco, à Congregação para o Clero e ao povo brasileiro. Durante a assembleia, também serão apresentados os relatórios do presidente e do ecônomo. Esse também será o primeiro encontro do episcopado com a presença do novo núncio apostólico no Brasil, dom Giambattista Diquattro, que terá uma audiência on-line com os participantes.

          A Assembleia Geral por sua natureza é o órgão supremo da CNBB, expressão e realização maiores do afeto colegial, da comunhão e corresponsabilidade dos Pastores da Igreja no Brasil, tem a finalidade de colocar em prática objetivos da CNBB, para o bem do povo de Deus fazendo crescer a comunhão e a participação, trata de assuntos pastorais de ordem espiritual e de ordem temporal e os problemas emergentes da vida das pessoas e da sociedade, sempre na perspectiva da evangelização.

 

 

Clique aqui para baixar este artigo em PDF

 

 

Ir. Pedro Paulo Queiroz, CJS. Religioso na Congregação de Jesus Sacerdote, Editor Geral da Revista Voz Amiga, Formado em Licenciatura Plena em Filosofia pela FAJOPA, e cursando o 5º semestre de Teologia no UNISAL. Bolsista PIBIC-CNPQ

 

Ir. Pedro Paulo Espirito Santo Queiroz, CJS. 
Religioso e Promotor Vocacional na Congregação de Jesus Sacerdote, Editor-Chefe da Revista Voz Amiga, Formado em Licenciatura Plena em Filosofia pela FAJOPA, e cursando o 7º semestre de Teologia no UNISAL. Bolsista PIBIC-CNPQ

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

Dia 12 – 1º dia da 58ª Assembleia Geral CNBB

seg abr 12 , 2021
Uma celebração, com início às 7h, desta segunda-feira, 12 de abril, direto da Capela Nossa Senhora Aparecida na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília (DF), marcou a abertura da 58ª Assembleia Geral ordinária dos Bispos do Brasil (AG CNBB). A missa de abertura foi presidida pelo bispo auxiliar do Rio de Janeiro e secretário-geral da CNBB, dom Joel Portella Amado, a Missa não teve a cobertura televisiva.
%d blogueiros gostam disto: