Nesta edição a coluna Formação Sacerdotal está em forma de vídeo. Neste mês que denominamos de “setembro amarelo” de prevenção ao suicídio, o nosso colunista, Padre Ivanaldo Gonçalves de Mendonça, traz uma belíssima reflexão direcionada aos sacerdotes sobre a importância do cuidado da saúde física e mental no ministério presbiteral. A luz da parábola do Bom samaritano, padre Ivanaldo convida aos sacerdotes a olharem para si, em um cuidar-se, deixar-se cuidar, para poder servir melhor  ao povo de Deus!

Falar de São José é adentrar no mistério humano e divino no qual Deus o escolheu para cuidar do seu Filho, Jesus o sumo e eterno Sacerdote. José, colaborou assim no plano da salvação, juntamente com a Virgem Maria, mãe do Sacerdote. A solenidade dedicada a São José, pai adotivo de Jesus, é muito festejada por toda a Igreja Católica, sobretudo aqui no Brasil onde inúmeros seminários têm como padroeiro, o patrono universal da Igreja.  Não há melhor padroeiro a quem confiar os futuros sacerdotes, do que aquele a quem foi confiado o verdadeiro Sacerdote pelo próprio Deus.

Escrevo estas linhas na Capela onde o S. Coração de Jesus se dignou revelar-se à sua esposa Predileta S. Margarida Maria, o corpo dela está a poucos passos, à minha direita, assim que com um só olhar abraço o Tabernáculo e o Altar da Santa tão felizarda. 

Celebrei de manhã a S. Missa ao Altar das aparições e ontem e hoje passei um pouco de tempo aqui perto do Senhor. (…)