A voz das Comunidades – Edição 1

 

Informativo da vida das comunidades brasileiras da Congregação de Jesus Sacerdote

 

Comunidade de Osasco

Comunidade de Osasco
Este ano a comunidade de Osasco é composta por: Padre Adenilson Oliveira, Superior da Casa, Ir. Ronaldo Teles da Cruz, Ir. Pedro Paulo Espírito Santo Queiroz e pelo noviço André Carlos Morais Carvalho.

 

 

Novo membro

Novo Membro
A partir do dia 08 de fevereiro de 2020 a comunidade religiosa de Osasco passa a ter mais um membro, o noviço André Carlos Morais Carvalho. A delegação para o Brasil da nossa Congregação, auxiliado por especialistas do direito canônico optou por bem iniciar o noviciado com o ano apostólico. O noviço ficará sob a orientação e animação do Padre Adenilson, superior da comunidade.

 

 

Início do Ano Letivo

Em 10 de fevereiro de 2020 iniciou-se o ano letivo teológico na Unisal. A casa religiosa de Osasco tem como uma de suas finalidades acolher os estudantes juniores para o estudo da ciência sagrada que é a teologia. O Ir. Ronaldo está na reta final cursando o quarto ano, cujo término passará pelo escrutínio para obter o bacharelado. O Ir. Pedro está cursando o terceiro ano. Embora estão agora, devido a precaução ao coronavírus estudando conectados nos recursos didáticos oferecidos pelas redes sociais, para não serem prejudicados nos conteúdos das disciplinas.

 

 

Jubileu de Prata da Comunidade

No dia 25 de fevereiro de 2020 a comunidade de Osasco celebrou o Jubileu de Prata da criação da comunidade anexa a Paróquia de Nosso Senhor do Bonfim. A missa foi celebrada nessa intenção e, no início, foi lido o decreto de fundação do padre geral da época. Em sua homilia, Padre Adenilson destacou o trabalho realizado em todos esses anos.

 

Terço no conjunto Hervy

Após as férias de verão, em fevereiro, nossa comunidade paroquial retorna a suas atividades. Esse ano a nossa paróquia, na busca de sempre se dinamizar, estará todas as quartas-feiras após as missas das 19:30 realizando a recitação o terço com as famílias no Conjunto Hervy podendo posteriormente ser recitado em outras famílias. Também o noviço com algumas ministras estão levando a Eucaristia aos doentes do Conjunto Hervy.

 

Inter-comunitário

Nos dias 27 e 28 de fevereiro houve na comunidade de Osasco o intercomunitário da nossa delegação. Padre Constante foi o pregador do retiro. Padre Ângelo conduziu os estudos. Momentos de fraternidade e de Oração com a culminância na celebração da Eucaristia. O intercomunitário teve seu encerramento com o almoço e com a presença fraterna do nosso bispo d. João Bosco.

 

 

 

Comunidade de Marília

A comunidade de Marília este ano é composta pelos padres: José Antônio de Sousa, delegado do Brasil, Márcio de Sousa, superior da casa e Pio Milpacher. Pelo irmão Claudinei. E por mais sete aspirantes: Kléber, Lucas, Mário, Alexandre, Cleivisson, Leonardo e Maelson

 

Missão vocacional em Ipuã

Dos dias 11-19 de janeiro, nossa família religiosa realizou uma missão vocacional na cidade de Ipuã – SP, pertencente a diocese de Barretos. A paróquia daquela cidade é dedicada à Senhora Santana, onde há também a comunidade São Sebastião, comunidade Santos Reis, comunidade São Sebastião e comunidade Nossa Senhora Aparecida. Foi uma missão assumida com fervor e boa animação, contando com todos os membros das nossas comunidades religiosas do Brasil.
De Marília participaram também os aspirantes Kleber, Lucas e Mário e os postulantes André e Michael. Por parte dos religiosos, Padre Márcio ficou na missão dos dias 11 a 15 de janeiro. Depois ele voltou para Marília para cuidar da casa e da paróquia. Porém, no lugar de Padre Márcio, para a missão, foram Padre José Antônio e Ir. Claudinei. Para todos os que participaram desta missão, ficou o sentimento de gratidão a Deus e a alegria de, não apenas de ter levado o anúncio, mas também de ter aprendido com o povo tanta preciosidade espiritual e apostólica para a nossa caminhada.

 

 

Caminho dos formandos

Recomeçamos com ânimo a caminhada formativa do nosso seminário. Os aspirantes Kleber, Lucas e Mário retornaram das férias e continuarão os estudos de Filosofia. Além deles, o Senhor nos concedeu a dádiva de mais três aspirantes. São eles: Alexandre Correa Silva, natural de João Pessoa – PB; Cleivisson de Oliveira Santos, natural de Riachuelo – SE; José Maelson dos Santos, natural de Delmiro Gouvea – AL e Leonardo Monteiro dos Santos, natural de João Pessoa – PB. Eles estão vivendo a bela novidade do início de caminho e o entrosamento com os demais seminaristas e seus formadores. Nós, formadores, nos sentimos felizes pela caminhada deles e pedimos a Deus que nos ilumine sempre mais a fim de realizarmos uma caminhada fecunda como formadores e formandos.

 

 

Visita em família

Padre José Antônio, ao final da missão vocacional, tirou dez dias de descanso, aproveitando para ficar com sua família, em Barretos. Foi preciosa a experiência também para manter contato com sua comunidade paroquial de origem. Este momento de descanso foi importante para que Padre José Antônio retomasse os trabalhos da comunidade religiosa e da paróquia em Marília com o empenho revigorado. Padre José Antônio voltou para Marília no dia 31 de janeiro. Também Padre Márcio foi visitar seus familiares e tirar seus dias de descanso entre os dias 09 e 20 de fevereiro, na cidade de Taciba – SP. Além de sua presença em família, esteve presente em sua comunidade paroquial de origem.

 

Entrada no noviciado

No domingo, 02 de fevereiro, festa da apresentação do Senhor, os postulantes André e Michael começaram o noviciado. O rito de entrada foi realizado na Oração das Vésperas, na capela da casa e presidida por Padre José Antônio, Delegado do nosso Superior Geral para o Brasil. Além dos membros da comunidade religiosa e os formandos, estiveram presentes também alguns agregados da nossa Congregação. A celebração foi simples, mas num clima de muita alegria. André e Michael, agora noviços, farão suas experiências de noviciado em comunidades diferentes. André irá para a comunidade de Osasco e Michael para a de Barretos. Desejamos a ambos uma boa e frutuosa caminhada.

 

Jubileu de Padre Márcio

No dia 18 de fevereiro, Padre Márcio completou vinte e cinco anos de vida religiosa, uma data e um acontecimento tão significativo para ele. Durante seus dias de descanso em Taciba, no dia 18, ele celebrou a missa comemorativa em sua paróquia de origem. Já em Marília, no dia 21 de fevereiro, durante a missa comemorativa com a comunidade religiosa e os formandos, Padre Márcio renovou seus votos religiosos, segundo a forma de Profissão Religiosa da nossa regra.

 

Saúde de Padre Pio

Achamos importante falar um pouco sobre Padre Pio Milpacher, nosso coirmão aqui na comunidade de Marília. Padre Pio, nosso mais velho ancião, com a idade de 96 anos, mora conosco em Marília. Padre Pio tem o problema clínico da demência senil, que afeta em grande escala a capacidade de memória. Porém fisicamente ele está bem e, com sua bengala, consegue caminhar por conta própria. Tem dificuldades auditivas, mas, mesmo assim, todos conseguimos nos comunicar com ele. O fato significativo é que mesmo com os esquecimentos comuns ao seu problema clínico, ele sempre se lembra que é um padre. A comunidade religiosa cuida dele com carinho e se sente edificada pela presença de Padre Pio. Muita gente do povo o venera, sendo o exemplo de sua vida e sacerdócio estimulante para nós todos.

 

Comunidade de Barretos

Nossa Comunidade de Barretos é, sem dúvida, a menor da nossa Congregação. Seus componentes são só três: um Padre professo, um Agregado interno e um jovem novicio. A comunidade é responsável por dois serviços fundamentais. O primeiro, mais específico, é acolher cada ano um pequeno grupo de Padres que pedem ou aceitam, viver conosco uma experiência de revitalização: física, espiritual e pastoral. O segundo serviço é a animação da Paróquia e do Santuário de nossa Senhora do S. Rosário, que a Diocese de Barretos confiou aos nossos Padres há 36 anos. Um serviço, este, para nós válido e precioso. Não só porque nos permite realizar e animar uma comunidade de leigos sempre mais conscientes do seu sacerdócio batismal, mas também apresentar a todos a necessidade de rezar e trabalhar “para que a Igreja tenha mais Padres e Padres santos”. Era este o ideal do nosso Fundador, Padre Mario Venturini. Nos primeiros dois meses do ano realizamos, quase unicamente, este último dos dois serviços que constituem a nossa missão.

 

O Centenário de Padre André (1919-2019)

Nestes primeiros meses do ano, temos ainda viva a santa impressão que nos deixou a celebração, em 28 de outubro passado, do centenário do nascimento do nosso Padre André Bortolameotti. Ele, por 17 anos, foi o nosso primeiro pároco da igreja do Rosário. Agora é Servo de Deus, porque o povo e os Padres da diocese testemunharam com tanta convicção que “um santo viveu entre nós” que nosso Bispo, Dom Milton Kennan, sem conhecê-lo diretamente porque recém-chegado na diocese, decidiu abrir o processo diocesano pela sua beatificação. A paróquia é viva e se esforça em realizar o não fácil processo de evangelização missionária, que o nosso tempo e nossa Igreja exigem. Padre Constante Gualdi, pároco e Reitor do Santuário, é o seu animador natural e pode contar com a colaboração de um bom número de leigos, agentes de pastoral dedicados e fiéis.

 

 

 

40º de Sacerdócio de Padre Costante 

No dia 10 de fevereiro o nosso Padre Costante celebrou, com evidente comoção, os 40 anos de sua Ordenação sacerdotal. No domingo antes o povo da paróquia aproveitou do dia festivo para antecipar as celebrações e seus votos, seja nas missas solenes como também na recepção festiva em nosso salão paroquial.

Na noite do dia seguinte, aniversário mesmo da Ordenação, o nosso Bispo, dom Milton e muitos padres concelebraram com o festejado, dando um sinal significativo de comunhão presbiteral. Era o que Padre Costante mais desejava.

 

 

A Casa de Jesus Sacerdote

 

Nos meses de janeiro e fevereiro não teve sua atividade normal e ficou bastante vazia e tranquila. Normalmente aproveitamos desta pausa para os restauros da casa, sempre necessários e de seu equipamento.

Hospedamos, neste tempo, com fraterna satisfação um grupo de nossos aspirantes, que pediram para viver quatro dias de retiro durante os dias do carnaval. Foi edificante ver o compromisso espiritual de nossos aspirantes e postulantes, que desejam colocar-se a disposição do Jesus Sacerdote para um serviço de total dedicação a Igreja e a seus padres.

Animou o Retiro o nosso Delegado, Padre José Antônio e vivemos juntos dias de intensa espiritualidade e fraterna alegria.

 

O nosso ano “sabático-sacerdotal” 2020

 

No dia 2 de março começaram a chegar os Padres para formar a comunidade sacerdotal deste ano. Como sempre, eles chegam das várias regiões deste grande Brasil. Os mesmos, por indicação dos seus bispos, decidem realizar uma parada no seu serviço pastoral., um serviço intenso, dedicado e facilmente desgastante, para poder retomar folego e voltar a sua missão com mais disponibilidade e entusiasmo.

Não é fácil decidir parar para quem, com generosa disponibilidade, é acostumado a correr, estimulado por uma missão sempre mais exigente…

Serão oito, também neste ano, a formar nossa comunidade sacerdotal. Além dos dois Religiosos adultos chegou a enriquecer nossa Comunidade religiosa, o Irmão Michel, um jovem haitiano, que viverá conosco seu primeiro ano de noviciado.

Nossa impressão e esperança de todos é que, ajudados pela Equipe Formativa, poderemos realizar uma boa caminhada, com a ajuda do Senhor e a proteção de Maria, a Mãe do Sacerdote.

 

Nosso companheiro “Coronavírus

Está sendo esperado, na verdade sem muito entusiasmo. Não apareceu, até agora, na nossa comunidade e na nossa Paróquia. Se vier (e pode ser antes que nossa pequena crônica chegue a vocês, estamos dispostos a superá-lo com a ajuda de Deus. Lamentavelmente chegam seus estragos na Itália e no mundo todo. Padre Costante recebeu de Bergamo, sua terra, a notícia que o irmão Mario e mais um parente querido faleceram com esta doença. Não pode tornar-se presente à sua família enlutada. Rezamos por ele. Dom Milton, nosso Bispo, com numerosos padres e amigos e paroquianos se uniram ao nosso pároco, conjuntamente a inúmeros Padres na oração e no pedido de consolo. Esperamos não ter que dar notícias de doentes e, sobretudo, de falecidos na próxima crônica.

 

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Next Post

COVID 19- As lições do primeiro mês!

qua abr 8 , 2020
COVID 19- As lições do primeiro mês!“Acredito que neste século XXI, este tenha sido o mês que o céu tenha recebido mais oração.”
%d blogueiros gostam disto: